ENSINAR SEM BRONCAS

 

Educação x Instinto dos Cães

 

Saiba qual é o principal motivo do mal comportamento do seu cachorro,

e como adestrar seu cão para eliminar esse mal comportamento

 

Instinto do  cão

Você já teve a impressão que não consegue se comunicar com seu cachorro?

Não importa o que você fale ou faça ou quanto você grite com seu cachorro, nada funciona.

Você tenta fazer ele se sentar milhares de vezes e ele simplesmente não aprende!

Não tem aqueles momentos durante o dia que parece que o cachorro está completamente doido, correndo para todo lado, pulando, latindo, perturbando todo mundo

… e de repente ele vai para a caminha dele e você não entende porque ele estava agitado nem porque ele se acalmou.

É de deixar qualquer um maluco.

Você ama o seu cachorro mas quer que, de vez em quando, ele fique quieto, quando você precisa de um pouco de silêncio.

Você quer ter uma sintonia um pouco melhor com ele, como outros donos de cachorros que você conhece.

Você quer que ele entenda como você quer que ele se comporte, que ele saiba o que fazer e quando.

Mas, por outro lado, você gostaria de entender o que se passa na cabecinha dele.

Bom, você já deve ter percebido que ler a mente do seu cachorro provavelmente não vai funcionar.

O segredo e a solução para os seus problemas está numa coisa muito simples.

Provavelmente, assim como muitos outros donos de cachorros, você está lutando contra os instintos naturais do seu cão.

Mas não se preocupe, não é sua culpa.

Nós humanos, normalmente não pensamos como cachorros.

Da mesma forma que cachorros normalmente não pensam como a gente.

É, isso não é algo que se aprende da noite para o dia.

Leva um tempo e você vai ter que aprender como os cachorros entendem e reagem ao ambiente ao seu redor e como adestrar um cão pode ser fáci, rápido e gostoso.

Mas quando você entender um pouco melhor como os cachorros pensam, você vai provavelmente ter um relacionamento com seu cachorro muito melhor e mais prazeroso.

E vai entender também como ele reage às coisas e pessoas à volta dele.

Bom, não dá para eu te explicar todas as soluções para os seus problemas em meia hora, mas eu posso te ensinar os fundamentos com os quais você pode construir um relacionamento mais positivo com seu cão.

Depois disso é sua responsabilidade de continuar usando esses fundamentos para entender o que se passa na cabecinha do seu melhor amigo.

O segredo é você trabalhar a favor dos instintos naturais do seu cão e não contra eles.

Uma vez que você entenda os princípios básicos por trás dos instintos e impulsos naturais do seu cão, você vai aprender como adestrar cachorros e perceber como as coisas vão ficar muito mais fáceis.

E, o seu relacionamento com ele vai assumir uma nova dimensão, muito mais produtiva e prazerosa para vocês dois.

 

OUÇA ESTAS AULAS

http://adestramentodecaes.com/audio/instinto_do_seu_cao.mp3

http://www.adestramentodecaes.com/Adestrador_Amigo.html

Fonte – http://www.adestramentodecaes.com/26/adestramento-vs-instintos-do-seu-cachorro/#more-26


*

Disciplina de cães

 

Saiba que broncas e punições NÃO FUNCIONAM com nenhum cachorro

e na realidade dificultam o adestramento de cachorro.

 

Disciplina

As pessoas normalmente cometem erros nas interações do dia-a-dia com seus bichos de estimação.

E um dos maiores erros é falar com o cachorro com uma voz brava quando você quer dar uma bronca nele.

É só pensar na sua infância. Se você ouvisse sua mãe ou seu pai chamando voice com aquela voz brava, você queria ir?!  Lógico que não!

Os cachorros também não.
Eles são guiados pelo seu instinto de sobrevivência e não por pensamento racional.
Se você o força a vir para você com um tom de voz bravo, isso vai totalmente contra os instintos dele.

Além disso, eles acabam associando o próprio nome com algo negativo, assim como o comando ‘vem aqui’.
Agora, tanto o nome e o comando ‘vem aqui’ são peças fundamentais no treinamento do seu cachorro e você não quer que ele os associe com algo negativo.

Indo mais além, se você está chamando seu cachorro de volta para a cena de um acidente ou algo que ele fez errado, isso já aconteceu no passado.

Os cachorros não podem ser punidos por coisas que aconteceram no passado.

Eu vou explicar isso melhor, já já.

Por agora, você tem que entender que você nunca deve chamar seu cachorro usando o nome dele.
Nem deve usar algum comando-chave de adestramento de cachorro como ‘venha’, ou ‘vem cá’ com um tom bravo.
Você deve usar um tom firme mas não tom de quem vai disciplinar o cão.

Pode parecer inacreditável nessa época do tudo politicamente correto, mas muitos donos de cachorros ainda batem nos seus animais.

Nunca tente adestrar um cachorro dessa maneira.

Os motivos vão muito além da violência por si.
Se o seu cachorro tem um impulso de dominância naquele momento, ele pode interpretar aquela violência como uma disputa por posição no grupo e pode reagir.
Um dia ele pode decidir desafiar a sua posição de líder no grupo e atacar.
E como você sabe, mordida de cachorro nunca termina bem.

Indo para o lado oposto, o cachorro pode se tornar submisso demais e ter medo de tudo.
E você sabe qual é uma das formas mais usadas para mostrar submissão ao líder do grupo?
Urinar.
Isso mesmo, seu cachorro pode reagir urinando ao levar bronca para mostrar submissão.
E é lógico que sempre acontece em cima do carpete.

Muitos donos veem essa reação como desobediência canina e uma certa vingança do cachorro e acabam punindo mais.
Mas o que ele está tentando dizer é que você é o líder e ele não quer desafiá-lo.
Esse é um jeito que eles mostram fisicamente sua submissão.

Quer saber como adestrar um cachorro?

Faça de uma maneira que ele possa entender na cabecinha dele o que você está querendo dizer.
Se você está bravo, então demonstre na sua voz e linguagem corporal. Não toque nele nesse momento
É isso que vai er um impacto no seu cachorro.

Isso tem a ver com uma característica mais profunda de todos os cachorros.
Cachorros não se lembram das coisas da mesma maneira que nós lembramos.
Eles não tem memoria como entendemos memoria.
Eles aprendem aonde você guarda a comida porque eles veem você pegando a comida lá todos os dias.
Eles aprendem os comandos que você os ensina porque você os repete muitas vezes.

E você associa os comandos com emoções positivas para o cachorro, recompensado-o com carinho quando ele obedece.

Cachorros não se lembram de donos anteriores que eles possam ter tido.
Eles não se lembram do canil ou pet shop nos quais eles viveram quando filhotes.
Eles simplesmente não se lembram.

Eles aprendem.
Eles aprendem a fugir de pessoas bravas se os donos anteriores abusavam deles.
Eles aprendem que é normal fazer suas necessidades onde eles dormem porque era assim no canil ou pet shop.

Eles aprendem que você é o cachorro-alfa dele e ele fica contente quando você chega porque ele aprendeu a reconhecer seu cheiro, sua voz e sua presença.

Se eles fizeram xixi no carpete quando você não estava, eles não se lembram o que fizeram quando você chega.

Então quando você chega e fica bravo, ele não conseguem entender porque.
Ele não consegue relacionar que você está bravo com ele por causa do acidente no carpete.
Ele nem se lembra que fez xixi ali.

A única coisa que ele entende é que o ‘cachorro alfa’ está bravo e é melhor que ele mostre submissão, porque é assim que cachorros reagem quando o cão-alfa está bravo.

Muitas pessoas acreditam que pelo fato de ele abaixar a cabeça e colocar o rabo no meio das pernas, ele está se sentindo culpado porque sabe que fez algo errado.
Não é o caso.
O cachorro vê que você está bravo, e ele não quer te deixar ainda mais bravo.
Então ele assume essa postura de submissão para evitar isso.
É assim que funciona a cabeça deles.

Então, acalme-se, limpe o carpete e concentre-se em evitar outro acidente treinando o seu cachorro.

Da mesma maneira, ele não se lembra que outras vezes que ele obedeceu o comando ‘senta’ por exemplo, ele foi reforçado.
Você tem que continuar reforçando repetidamente .
Com o tempo ele vai aprendendo que deve se sentar quando escuta o comando e isso vai sendo gradualmente programado na sua mente.

É por isso que é vital elogiar e punir seus cachorros durante a ação e não depois.

Se você pegar o cachorro no ato de sujar o carpete, essa é a hora de ficar bravo e discipliná-lo.
Ele não tem que se lembrar do que ele está fazendo naquele momento.
Ele SABE o que ele está fazendo e vai poder associar a sua bronca com o fato de estar fazendo xixi no lugar errado.

 

Guilhermo Coelho, o Adestrador Amigo
(curso on line)

—————–

OUÇA ESTA AULA

http://adestramentodecaes.com/audio/disciplina_filhotes.mp3

Fonte - http://www.adestramentodecaes.com/21/disciplina-e-filhotes/#more-21


 

A cirurgia de castração evita doenças, previne tumores, facilita o convívio e é garantia de bem estar emocional para cães e gatos, machos e fêmeas.

Saiba mais sobre os benefícios da castração para animais de companhia na página CASTRAÇÃO.

-

Gato Verde, em defesa dos Direitos Animais

-